27 de março de 2013

#SPFC: OK, vamos falar de tática #2

Buenas tricolores!

Vamos encarar uma pequena realidade:
O São Paulo não está em seus melhores dias e as coisas ainda podem piorar. Não porque o time anda jogando mal, ou por conta de picuinhas insistentemente insinuadas, divulgadas, repetidas, ressaltadas e pré sentidas pela "imprensa" mas pelo jogo em si que o tricolor vem jogando também.



O time vem se adaptando ao 4-4-2 que só voltou a ser testado pelo nosso treinador Ney Franco após tanta insistência dos repórteres acharem um absurdo e sempre questionando antes, durante e insistentemente depois das partidas ao técnico o porque da escalação deste ou daquele jogador, e se ele não o está agradando, se tem regalia, se não quer jogar, se está triste, se acha que ganha pouco, se acha justo ou não escala-lo e porque se acha justo ou não... (foda né?)

Ao meu ver, realmente não temos dois pontas de lança como tínhamos até a final da Sulamericana do ano passado, e sou totalmente à favor de se ter um esquema tático aliado as carcterísticas dos jogadores do elenco de qualquer time, sendo assim montei o que na minha visão é o melhor São Paulo para o restante do ano.

Para ser mais ousado eu faria isso como está na ilustração.
Nós não temos laterais, temos sim ALAS, portanto eles são mais aptos a atacar do que marcar. Então porque não usar isso como nossa arma? pois bem, é o que proponho acima.

uma variação no ataque pode ocorrer se: Mantermos o Rodrigo Caio no campo defensivo liberando o Wellington para subir ao ataque e daria ao time em algumas vezes o elemento surpresa para o bote.

Outra opção tática possível é termos a linha de quatro na defesa (adiantada) e liberar 2 e as vezes 3 jogadores do meio para subir também mas pode ser perigoso no contra-ataque. eu particularmente prefiro que volantes não subam enquanto o jogo não tiver dois gols à nosso favor, portanto fique esperto Ney!!!

Nossa questão é: mantermos o foco, todos fazerem marcação e ir pra cima!
#VamoSaoPaulo !!!

Contato:
   
Postar um comentário