21 de março de 2012

#SPFC: Os carregadores de piano

Depois do clássico de domingo podemos dizer com propriedade que o São Paulo FC hoje mostra sinais do que pode fazer durante esse ano e melhorar muito até o ano que vem.

No começo do ano logo após a pré temporada a torcida já esperava um time mais entrosado e pronto para qualquer jogo, mas não é bem assim. Finalmente tivemos um planejamento melhor feito do que nos últimos 5 anos, pois sempre tivemos aqueles jogadores que vieram para compor o elenco como se fosse reposições de peças importantes que tínhamos perdido mas em nenhum momento esses jogadores tinham incorporado o espírito vencedor dos últimos campeões da nossa camisa, o manto sagrado tricolor.

Além das escolhas políticas e dos jogadores de "negócio fácil" da nossa diretoria já estávamos sem paciência ao ver sempre os mesmos jogadores se escondendo sempre na hora em que precisávamos muito mais deles e junto com os técnicos a paciência do Juvenal (e a nossa), se foi.


"Chega de trocar de técnico, nosso problema são os jogadores!" ... dito e feito, voltamos à estaca Zero. e recomeçamos tudo de novo. O alvo eram jogadores mais humanos com o time, que se preocupassem em jogar bola e não em se valorizarem e saírem de fininho para a Europa ou qualquer outro lugar que fosse, e hoje estamos começando a colher os frutos. O time roeu o osso! Apanhou da imprensa, da desconfiança da torcida, da impaciência de todos e quem sabe até começaram a eles mesmos a se questionarem.

O que está errado? Nós queremos mais e isso não está certo! Não estamos em qualquer clube e isso aqui tem que ser respeitado. Essa é a camisa mais pesada do país e vamos dar a volta por cima! Esse é um pensamento de todos que amam esse clube por aquilo que ele representa e por aquilo que este mesmo time conquistou e este mesmo pensamento foi absorvido pelo time e hoje já não temos mais aquela zaga que tomava um, dois, três gols por partida... Nosso meio agora cria com uma facilidade muito maior e no nosso ataque, qualquer um que entre como titular vai lá e representa muito bem a nossa nação das três cores.

O nosso São Paulo hoje é outro! É um time que quer vencer e quer mostrar sim que vai levantar taças, temos um treinador que também evoluiu muito e ele também quer mostrar que ainda pode trabalhar muito bem como já demonstrou no passado e lógico, nossa diretoria que também quer unir forças para que em breve estejamos no topo mais uma vez como em tantas outras.

Apesar daqueles que podemos chamar de medalhões, temos aqueles que chamamos de "carregadores de piano" que estão nos ajudando e muito a ter essa tranquilidade para que no futuro possamos ser o tricolor de alguns anos atrás, jogadores que também querem ser lembrados por anos assim como hoje podemos falar de Josué, Mineiro, Júnior, Souza e tantos outros jogadores que mesmo não sendo o destaque do time ajudaram e muito para o nosso tricolor se eternizar mais uma vez.

Cortês, Dênis, Casemiro e Rodrigo Caio hoje podemos dizer que são aqueles que querem mostrar mais e estão trabalhando muito para o time. Lógico que poderia citar mais nomes como o Cícero (gratíssima surpresa), Denilson que vem melhorando a cada jogo e também os nossos titulares da zaga, Rhodolfo e o Paulo Miranda (que no início pra mim seria banco na certa), são outros que estão suando sangue para todos terem um lugar ao sol e hoje estamos muito melhor do que estávamos no nosso começo de temporada.

É um grande prazer gritar, vibrar e torcer por vocês que são a nossa espinha dorsal do time, que empurram a torcida a gritar e cantar mais e mais para no final mostrarmos que podemos sim ser até melhores que antes, mas sempre sendo o time de sempre!

#VaiSaoPaulo !!!