22 de setembro de 2011

São Paulo x Curintia ... jogo morno



Coitado daquele que esperava um jogão, com pressão, lá e cá... emoção e principalmente os gols.

Este jogo era o mais esperado pelos jogadores por ser um jogo entre oponentes diretos na tabela do campeonato e que também além de ser um clássico que para mim é o principal da capital paulista, mesmo que São Paulo e Santos serem os times que dividem as cabeças dos campeonatos desde o começo dos anos 2000.

Fizemos o que era esperado, ir para cima do time galináceo e tentar resolver o quanto antes o jogo pois os três pontos é o foco do time, e deu para perceber o quanto o time entrou ligado em campo. Apesar disso eles só se defenderam e não se preocuparam em ao menos ter posse de bola pois à tínhamos até o final do primeiro tempo mais de 60% de bola em nosso poder.

No segundo tempo os dois times esfriaram mas não por competência da defesa de ambos, mas sim pela falta de ousadia... o São Paulo se igualou e já não ía com tanta vontade para o ataque, o que fez todo mundo perder a espectativa da vitória.

Tenho alguns questionamentos sobre as substituições e pelo esquema que foi imposto ao time neste jogo e é muito difícil entender que o Adilson quis fazer no segundo tempo querendo que o Rodrigo Caio entrasse em campo e colocando o WELLINGTON na lateral direita para fazer a função que o Piris estava fazendo no jogo.

Sinceramente, pra mim o Adilson naquela altura do jogo já não se preocupava em manter o time avançando para o gol e sim se preocupar em tomar algum gol e perder o jogo. Agora me diz.... PRA QUE!!!!?

hoje o São Paulo joga (finalmente) no 4-4-2 e não temos tanta necessidade de sempre tentarmos jogar como o time vem jogando... os meias vão para o meio enquanto os laterais ficam nas pontas esperando uma bola que só é tocada quando se percebe que o meio já está muito congestionado.

O que o Lucas faz escalado no ataque se ele tem que ficar voltando pra buscar bola? O Dagoberto é centroavante desde quando na vida dele? ... ah, esse Adilson é um Pardal II

Nosso meio tem que ter dois volantes, felizmente temos 2 muito bons... um é o Wellington que é o nosso cão de guarda criado em casa, bem treinado não passará uma bola por ele... Outro é o Casemiro que tem que ser titular desse time, não tem jeito... ele é bom na marcação e sai muito bem para o jogo, pena que hoje o pé dele tava descalibrado. Os meias tem que ser Lucas e mais um... pode ser o Cícero que também ajuda na marcação e tem ótimos passes para ajudar na frente com opção de ser substituído pelo Cañete ou se alternar com o Dagoberto que também poderia voltar mais para buscara bola ao invés de perdera bola e voltar andando (isso me mata)

No ataque, podemos sim ter o Dagoberto que além de estar fazendo muito gol dá várias assistências e é quem costuma cruzar as bolas nos escanteios e faltas de longe para jogar na área e tentar os gols de cabeça. Um companheiro perfeito lógico que é o Luis Fabiano, mas até lá (pra mim ele volta contra o Flamengo mesmo) não dá para colocar o Lucas, eu já disse que o Rivaldo pode fazer essa função sem ter que voltar muito para o meio... ele pode dar várias boas assistências e por também ele já ter atuado na função no Barcelona (onde ele chegou no topo inclusive)

Por pouco não fizemos o primeiro gol neste chute do Casemiro

Resumindo, o jogo não foi ruim... mas poderia ter sido muito melhor se não fosse pela covardia do Adilson. Eles esperaram um São Paulo muito mais agressivo... coisa que não aconteceu. culpa nossa.


#VaiSaoPaulo

Twitando pelo @OTF_spfc e também no @RodrigoMMunoz ... É SÓ CLICAR!
Postar um comentário